quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

ELIAS E A VIÚVA DE SAREPTA

Então veio a ele a palavra do Senhor, dizendo:
Levanta-te, e vai para Sarepta, que é de Sidom, e habita ali; eis que eu ordenei ali a uma mulher viúva que te sustente.
Então ele se levantou, e foi a Sarepta; e, chegando à porta da cidade, eis que estava ali uma mulher viúva apanhando lenha; e ele a chamou, e lhe disse: Traze-me, peço-te, num vaso um pouco de água que beba.
E, indo ela a trazê-la, ele a chamou e lhe disse: Traze-me agora também um bocado de pão na tua mão.
Porém ela disse: Vive o Senhor teu Deus, que nem um bolo tenho, senão somente um punhado de farinha numa panela, e um pouco de azeite numa botija; e vês aqui apanhei dois cavacos, e vou prepará-lo para mim e para o meu filho, para que o comamos, e morramos.
E Elias lhe disse: Não temas; vai, faze conforme à tua palavra; porém faze dele primeiro para mim um bolo pequeno, e traze-mo aqui; depois farás para ti e para teu filho.
Porque assim diz o Senhor Deus de Israel: A farinha da panela não se acabará, e o azeite da botija não faltará até ao dia em que o Senhor dê chuva sobre a terra.
E ela foi e fez conforme a palavra de Elias; e assim comeu ela, e ele, e a sua casa muitos dias.
Da panela a farinha não se acabou, e da botija o azeite não faltou; conforme a palavra do Senhor, que ele falara pelo ministério de Elias.   
1 Reis 17:8-16.

Sarepta está localizada fora dos domínios de Israel, mais precisamente na costa do Líbano num lugar chamado distrito de Sarafand.
Àquela viúva era estranha ao Profeta e aos filhos de Israel.

Reflexão: Elias representa a continuidade da Palavra de Deus que não pode ser impedida, não pode morrer, precisa ser sustentado para poder continuar em sua missão. A viúva representa a igreja, que mesmo com poucos recursos; quando atenta, obediente, prestativa, independente de sua situação aparente, é sensível ao chamado. Não olha para as circunstâncias, oferece tudo o que tem para que através da boca do Profeta, a Palavra de Deus seja fator de multiplicação, sobrevida, prosperidade e esperança.
Voltemos ao SENHOR DEUS, e ofereçamos nossos dons e talentos para recebermos esperança, graça, alegria, paz e descanso!

DEUS usa a igreja como recurso principal da manutenção da SUA Palavra. 

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Cansados de festejar - Confraternização Shalom 30.11.2014
Louvor Confraternização - Domingo manhã 30.11.2014

Confraternização Shalom 30.11.2014

domingo, 23 de novembro de 2014

Dupla honra

I TM 5.17 – Os presbíteros que governam bem sejam estimados por dignos de duplicada honra, principalmente os que trabalham na palavra e na doutrina. (RC).
Rm 9.11 – Se nós vos semeamos as coisas espirituais, será muito que de vós recolhamos as carnais?  O apóstolo Paulo propõe o principio de que o obreiro cristão deva ser pago pelo seu trabalho. Jesus foi um homem próspero, não tinha problemas com finanças, nem tão pouco necessitava de fazer campanhas financeiras; Ele era mantido por muitas pessoas, principalmente mulheres, vela Lc 8.1-3.
Nos dias de hoje somos instruídos a pedir, somos estimulados a sonhar com bens materiais, somos estimulados somente no quesito “sou filho do Rei”. Pouco se fala ou se prega sobre carregar o fardo (Gl 6.5), dividir os bens com quem ministra (Gl 6.6) e suportar o fardo, entre outros conselhos para o bom obreiro.
Só ouvimos sobre campanhas de milagres, testemunhos de conquistas materiais (carro, casa, dinheiro, etc.). A bíblia fala do bom obreiro, o obreiro aprovado conforme II Tm 2.15-16. Alguém um dia disse que a casa que habitaremos no céu está sendo construída com as coisas que temos enviado daqui; é claro que isso é somente ilustração, mas serve para uma reflexão sobre o que temos feito em prol do Reino? É fácil nos deslocarmos aos domingos, participarmos da liturgia, ainda que em algumas oportunidades a mesma seja tão monótona, cantamos um pouco, lemos um texto bíblico e ouvimos algumas palavras, às vezes interessantes, outras não, mas assim vamos, levando nossa vidinha.
Um dia destes eu ouvi um pastor dizer que “O Brasil ainda não está sofrendo a perseguição que merece” 
Em muitos países do oriente e da Ásia, as pregações não são sobre bênçãos materiais, nem mesmo sobre prosperidade, mas um evangelho real, com vistas à eternidade, às bênçãos celestiais, há suportar o tempo presente por que os dias são maus! Enfim;           O que você tem feito em benefício dos seus irmãos, da sua igreja, das necessidades que se apresentam, dos desafios que se manifestam?
Pelo menos olhe ao teu redor!
Seja caridoso, seja fiel, seja generoso, seja participativo, seja partilhador, seja observador e veja que talvez você possa suprir a necessidade do seu irmão do lado e se não enxergar seu irmão, com certeza você pode ajudar a sua igreja que através dos Ministérios irá fazê-lo. Abençoe e; Seja abençoado!

terça-feira, 11 de novembro de 2014

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Hoje 07.11.14 - 19,30h 

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

TRIBOS

ASER

ISSACAR


http://shalomcomunidade.weebly.com/

sexta-feira, 25 de abril de 2014

quarta-feira, 9 de abril de 2014

segunda-feira, 3 de março de 2014

REDE DE HOMENS

 Próxima sexta feira 07.03.2014 - 19h sairemos da Shalom para um churrasco na chácara do Guto!

BOLETIM SHALOM 02.03.2014


BOLETIM SHALOM 19.02.2014



quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

Conferência Profética

Sábado 08.02.14 em dois horários. 16 e 19h

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Janeiro



Na Shalom tema para janeiro: "Palavra viva" - Assim será a minha palavra, que sair da minha boca; ela não voltará para mim vazia, antes fará o que me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei. (Is.55.11)